domingo, 25 de junho de 2017

Barco turístico naufraga na Colômbia, mata nove e deixa desaparecidos

Imagens mostram embarcação aparentemente superlotada afundando em represa

Fonte: O Globo

BOGOTÁ - Um barco turístico de três andares naufragou na tarde de domingo numa represa no departamento de Antióquia, na Colômbia, com cerca de 170 pessoas a bordo. Pelo menos nove pessoas morreram, outras 25 feridas e um número indeterminado ainda estaria desaparecido.










Imagens nas redes sociais mostraram momentos de pânico durante o naufrágio do barco El Almirante na represa Peñol-Guatapé, que aconteceu por volta das 14h, hora local. O barco balança para os lados enquanto vai afundando lentamente.

Segundo a imprensa local, o barco estava provavelmente superlotado e se rompeu em dois.

— Não houve colisão contra outro barco, ele só submergiu — disse a secretária de Governo do departamento, Victoria Eugencia Ramírez.

Por ordens do presidente Juan Manuel Santos, helicópteros da Força Aérea colombiana e todos os barcos de socorro das regiões próximas foram mobilizados para realizar o resgate das vítimas do naufrágio. A prefeitura de Medellín, capital do departamento, também enviou equipes especializadas de mergulho.

Testemunhas relataram não terem recebido coletes salva-vidas ao ingressar no barco.

— Nós nos salvamos porque meu marido entrou num compartimento e encontrou uns (coletes) salva-vidas brancos — disse uma mulher originária do departamento de Norte de Santander, que ainda buscava mais informações sobre o própria pai, de quem se perdeu no naufrágio.

A represa Peñol-Guatapé fica no Leste do departamento, a cerca de 80 quilômetros de Medellín. O local é muito frequentado por turistas internos que aproveitam o fim de semana para lazer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário