sexta-feira, 21 de abril de 2017

Filho de casal que vivia em condições degradantes em Indaiatuba não tem certidão de nascimento


Segundo o Conselho Tutelar de Indaiatuba, o filho mais novo de um casal que vivia com três crianças pequenas em uma casa insalubre , no Bairro Cidade Nova, não tem certidão de nascimento. As crianças de 1 , 2 e 7 anos , foram retiradas da residência na última terça-feira e estão sob a responsabilidade dos avós paternos. Os pais, de 35 e 33 anos, prestaram depoimento na Polícia Civil e respondem em liberdade pelo crime de maus-tratos. Na casa em que viviam com os filhos a situação era degradante devido a grande quantidade de lixo, comida estragada, embalagens de drogas, bebidas alcoólicas e até animais peçonhentos. Nesta quarta-feira, a Prefeitura de Indaiatuba, finalizou a limpeza da casa que teve que ser higienizada por conta do mau cheiro que era percebido na rua. Para a remoção do lixo foram necessários dois caminhões e um guincho. O Conselho Tutelar da cidade confirmou que já entrou com um pedido de guarda provisória para os avós e um pedido de registro de nascimento para o bebê. O processo foi encaminhado para o juiz da Vara da Infância e Juventude da cidade, que determinará a duração da guarda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário