segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Emenda garante R$ 593,3 mil para instalação de rotatória no Iasp

Deputada Ana Lippaus Perugini foi quem intermediou!


A Caixa Econômica Federal liberou R$ 593.361 para a implantação de uma rotatória em frente ao campus do Iasp (Instituto Adventista de São Paulo), em Hortolândia. Os recursos estão sendo repassados pelo Ministério das Cidades, por meio de emenda parlamentar apresentada pela deputada federal Ana Perugini.

divulgação


O dispositivo, que vai ser construído no cruzamento da Avenida Santana com a Rua Pastor Hugo Gegembauer, no Parque Ortolândia, é uma reivindicação antiga de professores, alunos e moradores da região do Jardim Amanda, que sofrem com congestionamentos no local, principalmente em horários de pico.

“Essa rotatória vai melhorar o trânsito e diminuir o transtorno dos motoristas, tanto para quem se dirige ao Iasp como para aqueles que vão e vêm da região do Amanda, que concentra mais de 70 mil pessoas”, avaliou a parlamentar.

A emenda ao Orçamento Geral da União foi apresentada pela deputada no início de 2016, e o repasse foi autorizado no final de outubro pelo ministério. Com a liberação da Caixa, a Prefeitura de Hortolândia já pode iniciar a obra.

Compromisso com Hortolândia

Em dez anos de atuação como deputada (estadual de 2007 a 2014 e federal desde 2015), Ana Perugini já destinou mais de R$ 8,5 milhões para o município, por meio de emendas parlamentares aos orçamentos do Estado de São Paulo e da União. As áreas que mais receberam recursos foram infraestrutura urbana (46,9%) e saúde (42,7%).

Recentemente, a deputada destinou R$ 300 mil para a compra de equipamentos médicos para a rede municipal de saúde e um kit para a reestruturação do Conselho Tutelar hortolandense, no valor de R$ 60 mil. Para reforçar a atuação do órgão, o município vai receber, nas próximas semanas, um carro, cinco computadores, uma impressora multifuncional e um bebedouro.

Ainda na área de saúde, a parlamentar está pleiteando, junto ao Ministério da Saúde, a liberação de R$ 2,5 milhões para a reforma do Hospital Municipal Mário Covas, o único hospital público da cidade e que atende pacientes de municípios vizinhos, como Sumaré e Monte Mor. A emenda foi apresentada em 2015 pela deputada, mas não foi empenhada pela pasta, que alega falta de dotação orçamentária.

Em agosto do ano passado, Ana se reuniu com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, em Brasília, para tratar da emenda. Na ocasião, Barros prometeu liberar a emenda em parcelas. No entanto, segundo informações obtidas esta semana no ministério, a situação segue indefinida. Da Redação

Nenhum comentário:

Postar um comentário