quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Apoio ao PDT causa racha no PSDB em Hortolândia


Membros do PSDB de Hortolândia afirmaram que a aliança do vereador Ananias José Barbosa, presidente municipal do partido, com o prefeito eleito Angelo Perugini (PDT) foi "precipitada", causando racha no diretório municipal. No dia 22 de novembro, ao TODODIA, o parlamentar anunciou que assumirá a Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social na próxima gestão. Ananias chegou a dizer, em agosto, que Perugini tem "história de traição". 
 
Waltair Pereira Lucas, o Waltinho (PSDB), membro da Executiva Municipal, contou que o caso irá para o Conselho de Ética do partido, pois Ananias "atravessou" o processo do diretório. "Achei, simplesmente, a posição (de Ananias) precipitada (...) Só sei que ouvi esse comentário (sobre o vereador ser secretário de Perugini), como muita gente ouviu, mas não conversei com ele pessoalmente. Mas essa simples possibilidade, antes do processo se encerrar, já deixou alguns colegas descontentes", declarou George Burlandy, o Dr. George, candidato a prefeito pelo PSDB nas últimas eleições. Ele lembrou que há possibilidade de novas eleições, uma vez que a candidatura de Perugini foi indeferida pelo TRE (Tribunal Regional Eleitoral).
 
Segundo Waltinho, a Executiva Municipal fez uma reunião que tratou sobre uma possível aliança com o PDT no dia 20 de novembro, mas, na semana anterior, o vereador já havia combinado com Perugini que assumiria a pasta.
 
"Na semana anterior, eu já tinha a relação dos possíveis secretários de Perugini, e lá estava ele (...) Ele tinha tomado uma decisão precipitada bem antes da reunião. Já estava tudo certinho", comentou. Waltinho também disse que Ananias não tinha lhe chamado para o encontro. "Ele não queria que eu fosse porque sabia que eu seria contra", ressaltou.
 
Ele relatou que, na reunião, houve cinco votos a favor da aliança e três contra e que, das cinco pessoas favoráveis, uma era o próprio Ananias e duas assessores dele. Os contrários recusaram-se a assinar a ata.
 
"Estou me sentindo traído e consternado com a decisão aleatória do presidente do partido em nossa cidade. O nosso partido foi vendido e negociado com o PDT", disparou Waltinho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário